• Página Principal
    Página Principal Aqui você pode encontrar todas as postagens do blog
  • Categorias
    Categorias Mostra uma lista de categorias deste blog.
  • Tags
    Tags Mostra uma lista de tags utilizadas no blog.
  • Blogueiros
    Blogueiros Procura por seu blogger favorito neste site.
  • Equipes
    Equipes Encontre aqui seus blogs de equipe favoritos.
  • Login
    Login Formulário de login

GeoSan

O GeoSan é um Sistema de Informação Geográfica que tem como objetivo permitir a realização de um cadastro técnico de redes integrado ao cadastro comercial para a exportação das redes e demandas de consumo associadas aos nós das redes, para sistemas de simulação hidráulica, como é o caso do EPANET. O objetivo principal é viabilizar as ações de redução de perdas de água no município, permitindo a realização de ações de engenharia de fato.

4 postagens publicadas pelas equipes nesta categoria

Abaixo as imagens geradas pelo Fábio Massa, estagiário em geoprocessamento, do DAE de Valinhos. Os dados foram cadastrados no GeoSan onde houve a união do cadastro técnico ao comercial e em seguida gerados mapas de calor para indicar onde estão ocorrendo a maior parte das reposições de cavalete no município. Os mapas de calor foram gerados com a integração do GeoSan com o Quantum GIS. Isto permite priorizar e definir as ações junto as redes e ramais do município.

Onde está mais escuro existem mais trocas de cavaletes. Os dados são de 2013 a 2015.

Já vimos a JICA do Japão apresentar estes mapas semelhantes em seminário da Sabesp.

b2ap3_thumbnail_20150813150100-Capturar.PNG

b2ap3_thumbnail_20150813150100-mapadecalor_repcavalete.PNG

b2ap3_thumbnail_20150813150100-mapadecalor_repcavalete-b.PNG

b2ap3_thumbnail_20150813150100-rpc.png

Continuar lendo
Acessos: 13578 Comentários
0

Em uma tubulação a água corre pelo sistema a uma velocidade muito alta. Se há vazamento, a água sai da tubulação, mas não permite que nada entre nela. 

Agora, se você reduz a pressão, vai haver mais espaço dentro dessa passagem e, nos lugares em que há vazamentos, essa água que sai pode voltar a entrar na tubulação, já contaminada.

Newsha Ajami
Diretora do programa Water in the West da Universidade de Stanford, California

Leia a matéria completa selecionando aqui.

Isto já é conhecido pelas empresas de saneamento no Brasil, embora não exista muita divulgação. Mas se você reparar os casos de diarreia estão aumentando, é só verificar junto aos seus conhecidos. Este aumento está diretamente relacionado as pessoas que estão em áreas nas quais está faltando água, ou seja em que a redução de pressão, que é o ideal a ser feito, causa o desabastecimento em alguns setores da cidade.

O ideal seria reduzir a pressão de forma que a água não saísse da tubulação, ou seja que não fosse formada a pressão negativa dentro do tudo, mas para isso é necessário que a empresa de saneamento possua um cadastro constantemente atualizado de suas redes e consumidores de forma integrada, para que possa realizar as simulações hidráulicas e redimensionar as redes para que haja uma equalização das pressões, antes de simplesmente reduzir a pressão na rede, que é o que geralmente está ocorrendo.

Claro isso é a situação ideal, mas as empresas de saneamento negarem-se a manter um cadastro de redes e consumidores rigidamente atualizado, isso é o problema que vem ocorrendo no Brasil em geral. Não existe uma cultura de que isso necessita ser realizado com prioridade sobre qualquer coisa, afinal qual a função de uma empresa de saneamento? Certamente não é simplesmente fornecer água jogando-a ao acaso pelas tubulações e emitir as contas para a população. A missão de uma empresa de saneamento deveria ser fornecer água de boa qualidade e de forma contínua para a população, através da rigorosa gestão de seus ativos enterrados. Esta deveria ser a missão.

A NEXUS nos últimos 8 anos aprendeu com as empresas de saneamento, visitando-as em todo o Brasil. Aprendeu com você, empresa de saneamento e aprendeu com o IPT, USP e Unicamp, onde existem profissionais muito capacitados. Foi uma união de conhecimentos que fizemos, da prática em campo com as empresas de saneamento com a teoria da academia e institutos de pesquisa. Também nossos colaboradores fizeram suas graduações e pós-graduações em instituições públicas com dinheiro e bolsas pagos pelo Governo.

Agora damos nossa retribuição para a sociedade. Disponibilizamos o GeoSan, um sistema com código aberto, o qual permite a gestão de ativos de redes, equipamentos e consumidores, com o código aberto e estamos disponíveis para o mercado junto as empresas de engenharia ou tecnologia, bem como diretamente junto as empresas de saneamento, para ajudar a implementar este sistema, o qual permitira às empresas de saneamento realizarem simulações hidráulicas e realizar a gestão das pressões nas redes com o EPANET ou outros sistemas disponíveis para aquisição junto ao mercado.

 

Continuar lendo
Acessos: 7759 Comentários

Postado por em em GeoSan

Trabalho muito interessante apresentado pela SABESP. Na época nos inspiramos nele para o desenvolvimento do GeoSan. Íamos as feiras e observávamos o funcionamento do SmallWord, que surgiu em uma universidade da Inglaterra, passou por Portugal até ser adquirido pela GE.  TT_274.DOC

Continuar lendo
Acessos: 7881 Comentários
0

Postado por em em GeoSan

A NEXUS fechou os serviços online de capacitação com a Espanha. "Iniciaremos o suporte junto ao responsável por Marin-ES, dando o total apoio para que os mesmos possam implementar o GeoSan. Estamos muito comprometidos para o sucesso de nossos parceiros e clientes. A água se tornou um fator de atenção mundial com relação a eficiência na sua administração junto as empresas de saneamento. Nós agradecemos a confiança e iremos fornecer total suporte junto aos serviços prestados. Isto só vem a provar o reconhecimento internacional que começamos a ter.", afirma José Pinheiro, sócio da NEXUS.

Continuar lendo
Acessos: 7875 Comentários
0

Postado por em em GeoSan

Os cursos online:

NE-11 - Implementação do Geoprocessamento em Empresas de Saneamento

NE-12 - EPANET Básico

NE-16 - Instalação e Configuração do GeoSan

estão com 50% de desconto até 5/12/2014. Selecione o curso e a ícone do PagSeguro com desconto, para comprar.

Continuar lendo
Acessos: 8876 Comentários
0
Mudança liderada pela NEXUS ...
GeoSan

A primeira pessoa que achar na imagem acima a mudança que a NEXUS está liderando e dizer onde ela se encontra neste quadro, ganha um curso online NE-11 - Geoprocessamento para empresas de saneamento.

Selecione a imagem, procure e diga o que está escrito e aonde está escrito.

Sendo o primeiro a dizer aqui abaixo, você ganha automaticamente.

Pré-qualificação douturado Edwin Antonio Aranda Saldaña
EPANET

Estivemos na Unicamp, no Departamento de Engenharia Civil, na pré qualificação de doutorado do Msc. Edwin, onde abordou sobre as metodologias de cálculo hidráulico existentes e a nova proposta para sua tese de doutorado, onde a mesma foi aprovada. Estavam presentes o Prof. Dr. José Gilberto Dalfré Filho, do Dpto. de Recursos Hídricos da Fac. de Eng. Civil da Unicamp e Prof. Dr. José Geraldo Pena de Andrade da Faculdade de Tecnologia de Limeira da Unicamp.

0
Ex-diretor do Inpe e do Parque Tecnológico assume pasta de Ciência e Tecnologia
GeoSan
O atual presidente da AEB (Agência Espacial Brasileira), Marco Antônio Raupp, foi escolhido ontem pela presidente Dilma Rousseff (PT) novo ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação. Ele assume o cargo na próxima terça-feira, no lugar de Aloizio Mercadante (PT), nomeado novo ministro da Educação, em substituição a Fernando Haddad (PT), que deixa o governo federal para se dedicar à sua candidatura à Prefeitura de São Paulo. Apesar de ter nascido em Cachoeira do Sul (RS), Raupp tem forte ligação com o Vale do Paraíba. Ele foi diretor do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), de São José, de 1985 a 1988, quando criou o programa de satélites em parceria com a China (Cbers) e o Cpte...
0